// arquivos

Arquivo de August, 2013

Protestos por um Brasil melhor?

Os protestos iniciados em junho no Brasil ocorreram devido ao aumento do preço das passagens dos ônibus – o estopim para as revoltas que repercutiram. O sucesso das tais “passeatas pacíficas” fez com que se espalhassem de São Paulo para outros lugares do país, como Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Brasília e muitos outros. O aumento de 20 centavos nas passagens foi só a gota d’água. Há diversos outros motivos para revolução, e todos eles envolvem um progresso no país, com melhorias na educação, no transporte, na saúde e maior transparência política. – Por: Leticia Scattone De Luiz e Luiza Ferreira.

Funkofobia

O Funk é um gênero musical que atrai a atenção por ser uma pauta polêmica sobre a qual todos parecem ter uma opinião formada. Elas se dividem entre gostar ou não da categoria – e não há espaço para neutralidades. Mas nem sempre o motivo que leva alguém a não apreciá-lo é o fato do arranjo harmônico não agradar. Aliás, é muito comum o funk ser alvo de preconceito e críticas. Ele passa, atualmente, pela mesma realidade que o samba passou nos primórdios de sua aparição.

Saúde a um clique de distância

A saúde e a forma física são coisas muito almejadas pela sociedade atual, porém muitas pessoas acabam “abrindo mão” delas devido ao fato de estarem cansadas e não quererem sair de casa para praticar algum tipo de atividade física. Mas com a tecnologia de hoje é possível se exercitar e se manter saudável sem sair do conforto da sua casa.

O homem que quer ser desejado

O público masculino já é alvo para muitas indústrias de cosméticos: cada vez mais há o interesse pelo embelezamento dos mesmos, tornando-os de vaidosos até metrossexuais – uma tendência nova, porém com uma potência extraordinária para esse novo mercado no capitalismo e consumo. Muitos homens atualmente se preocupam com a estética diariamente e, como consequência disso, muitas marcas famosas, como a Dior, afirmam um crescimento inesperado nos produtos feitos ao público masculino, que, no caso, foi em torno de 30%. Outros produtos como sabonetes líquidos, cremes barbeadores, desodorantes, perfumes e cremes anti-idade tiveram um crescimento médio de 10% aproximadamente, segundo uma pesquisa feita pela ACNielsen. Já o presidente do Laboratório Sklean afirma existir um crescimento de, aproximadamente, 25% ao ano nesse setor, influenciando um maior investimento nessa área.

Preconceito no berço do saber

Os trotes universitários são tradições que são realizados há anos e que consistem em brincadeiras feitas pelos veteranos com os calouros. Podem ser saudáveis e alegrar todo começo de semestre e todos os participantes. No entanto, uma vez não controlados pela faculdade, como impor limites? Nos últimos anos, há registros de casos de trotes preconceituosos, racistas e homofóbicos. É preocupante que faculdades estão sendo cenários para crimes cruéis e até para assassinatos, já que se associam universidades com a formação de caráter profissional e psicológico.

O ícone moderno: a depressão

Nomeada como o ícone dos tempos modernos pelos psicólogos, a depressão atinge mais de 850.000 pessoas por ano, segundo a Organização Mundial de Saúde, podendo gerar consequências drásticas, como a morte. Por falta de conhecimento da população mundial, muitas vezes não conseguimos diferenciar uma tristeza cotidiana da depressão. A verdade é que a depressão convive com todos nós, direta ou indiretamente. E esse convívio só tende a crescer: segundo a OMS, em 2020 a depressão será a segunda maior doença causadora de morte no mundo, perdendo apenas para as doenças cardiovasculares.

Nova tensão entre Coreias?

Após quatro testes nucleares, ameaças declaradas e fechamento da indústria comum, Coreia do Norte aumenta ainda mais o nível de tensão com vizinho do Sul, cancelando encontro entre as duas nações.

O “fortalecimento” do esporte

O esporte sempre teve grande influência em diversas sociedades no mundo inteiro. Os atletas são vistos como modelos a serem seguidos, e têm que se esforçar para ser bons exemplos. A grande maioria consegue ser esse bom exemplo, mas sempre existem exceções, como atletas que acabam indo contra a conduta que um ídolo tem que seguir. E para muitos a pior forma de se fazer isso é com o doping.

Juízes sem juízo?

No futebol mundial há vários casos de erros de árbitros que acabaram mudando o resultado das partidas, e muitas vezes isso ocorreu pelo despreparo dos juízes, por falta de treinamento e por eles não serem profissionalizados pelas federações de seus países – assim, não possuem condições para evitar esses tipos de erros.

Na marca do pênalti

Chegou o momento, a menos de um ano da Copa, o Brasil deve mudar para que sua imagem não se manche com o sangue nos estádios.