// arquivos

Arquivo de July, 2012

O Google sabe a resposta – e você?

Rapidez, praticidade e simplicidade são comumente apontadas como as principais vantagens de tecnologias de pesquisa online. As novas gerações transformaram ferramentas como o Google em um utensílio de uso diário sem precisar fazer nem metade do esforço das gerações anteriores para conseguir ter acesso a informações. Porém, tanta facilidade não traz impactos na forma como as pessoas lidam com o conhecimento? O desenvolvimento do nosso cérebro pode ser afetado por diversos fatores que estão relacionados, principalmente, com a facilidade fornecida à sociedade pelas ferramentas tecnológicas. – Por: Tais Mayara Coelho.

Uma vida uniformizada

Encontrar pessoas vestidas de maneira semelhante, com roupas de mesma marca e estilo, é algo comum nos dias de hoje. A padronização ocorre em todas as faixas etárias, mas pode ser observada principalmente em adolescentes nos shoppings, escolas, shows etc. Muitos deles não gostam do uso de uniformes, mas quando tem a oportunidade de usar alguma outra roupa acabam seguindo um padrão determinado, fazendo com que continuem parecidos. Você já parou para pensar por que isso ocorre? Como e o que pode afetar?

Os humildes residentes

A faculdade de medicina é sempre uma grande opção entre os alunos do ensino médio e os vestibulandos. O que esses alunos esquecem é o processo pós faculdade, a chamada Residência Médica. Essa é uma fase de especificação da profissão que pode durar de 2 a 5 anos, onde o profissional recebe por volta de 2000 reais trabalhando 60 horas semanais.

E por falar em sexo…

Já não é novidade as constantes explosões hormonais que a fase da adolescência proporciona para todos os jovens. É uma série de dores, prazeres, tristezas, felicidades, dúvidas, angústias, dificuldades… Porém, diante desse cenário catastrófico, enxergamos uma luz que, para muitos pode ser uma grande interrogação, enquanto para outros uma grande exclamação. Estamos falando de, nada mais, nada menos que sexo.

À Ordem e ao Progresso

Em uma pesquisa realizada pelo Programa das Nações unidas para o desenvolvimento, revelou-se que os brasileiros acreditam que um dos pontos mais importantes para a melhoria da vida do cidadão é a mudança dos valores morais no Brasil. Na opinião pública, o código moral é peça-chave para transformações no país, juntamente com educação política interna, violência e emprego. O resultado obtido surpreendeu os pesquisadores, mas é um resultado lógico, baseado nos pensamentos de Comte.

Economia: movendo o mundo

Hoje em dia o que mais preocupa os jovens a partir do ensino médio é o fato de terem que tomar uma das decisões mais difíceis de suas vidas: a escolha de um curso a seguir para entrar no mundo do trabalho. Essa decisão é muito complicada, pois o jovem procura escolher uma profissão de que ele goste, seja bem remunerado e tenha facilidade. Isso não foi diferente com nosso entrevistado Orlando Machado Jr., formado em ciências econômicas.

Com a mão na graxa

A engenharia mecânica é uma profissão muito conhecida e de extrema importância na sociedade desenvolvida de hoje. Porém, o que muitas pessoas não sabem é o que um profissional da área faz e qual a diferença dessa para outras engenharias. Para solucionar essas e outras dúvidas, entrevistamos o engenheiro mecânico Cássio Freire Loschiavo.

Exercitando sua saúde

A princípio, a maioria das pessoas sabe o que um educador físico faz: ele dá a instrução de como o atleta deve praticar o esporte para que se tenha um melhor rendimento aliado à segurança. A profissão ganhou maior importância quando se associou à medicina. Muitas pessoas requisitam esse tipo de profissional não porque o querem, mas porque o necessitam. Também há trabalhos com crianças que possuem deficiências motoras. A prática de atividade física, além de seus benefícios medicinais, tem um grande poder de socialização, principalmente em esportes coletivos. Daí surge a necessidade de um organizador da atividade. Paulo Enrique Jimenez é formado em Educação Física pela USP e hoje trabalha como personal trainer e treinador de atletas de alto nível. Ele nos conta um pouco sobre suas experiências no mercado de trabalho.

Uma médica animal

Quando o assunto é a escolha da profissão, é comum que alguns ainda tenham suas dúvidas. É com o intuito de amenizar essas duvidas e tornar a escolha um pouco mais consciente que entrevistamos a doutora Sandra A. G. Pinto, formada pela UNESP que hoje é dona do seu próprio petshop, esclarecendo algumas perguntas sobre uma carreira fascinante: a medicina veterinária. A carreira vai muito além de um mero médico de bichos. A paixão pelos animaizinhos é fundamental, mas muito estudo e dedicação são necessários para que o sucesso seja atingido.

O “museu de grandes novidades”

Entrevistamos Mariana Cristantte, que está atualmente estagiando Arqueologia com um grupo de profissionais. Mariana tem 23 anos e pretende fazer mestrado em Arqueologia.